Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Luís Virtual

Luís Virtual

21 de Março, 2015

Antes de começar a tentar mudar o mundo, olhe dentro de sua casa.

Luís Martins

Quantas pessoas vivem a dar ideias para a mudança do mundo...falar isso ou aquilo ...criticar uma coisa e outra, e se for atrás em sua família ....sua casa...perto de si, está uma bagunça sem fim....se alguém não consegue por ordem em coisas pequenas e suas....como pode opinar com credibilidade em coisas que envolve o Mundo...o País...o Estado ou cidade....enfim até o bairro onde mora já fica duvidoso para alguém assim...na verdade ninguém precisa muito de conselhos coisa e tal...quem precisa ...precisa de ajuda ...orientação etc...conselhos nem sempre são bem vindos...principalmente que conselho raramente vem de um sábio...os insensatos costumam mais dar conselhos e mostrar soluções fáceis para a vida dos outros...quando vai fazer o que ensina desiste antes de começar...isto é! Quando pensa em começar!!


21 de Março, 2015

Você já viu uma salada enrolada? Conheça essa receita de wrap primavera.

Luís Martins

Ingredientes

 
1/2 kg de farinha de trigo 
4 colheres (chá) de sal 
4 colheres (chá) de açúcar 
6 colheres (sopa) de manteiga 
1 tablete (15 g) de fermento biológico 
1 clara 

Detalhes


Complexidade: Médio

Custo: Moderado

Preparação:

Etapa 1


Peneire a farinha, junte o sal, o açúcar, 4 colheres de manteiga, o fermento, a clara e 1 xícara (chá) de água morna

Etapa 2


Bata na batedeira em velocidade média, até a massa ficar homogênea

Etapa 3


Divida a massa em 14 partes iguais, faça bolinhas e embrulhe-as com filme plástico

Etapa 4


Deixe descansar por 25 minutos

Etapa 5


Em seguida, coloque a massa numa superfície enfarinhada

Etapa 6


Abra cada uma das bolas com um rolo de macarrão, ou uma garrafa de vidro esterilizada, até obter uma espessura de aproximadamente 1 mm e 29 cm de diâmetro

Etapa 7


Com a manteiga restante, unte 4 assadeiras

Etapa 8


Disponha as massas e leve ao forno por 20 minutos. A massa deverá ficar levemente firme e não deverá dourar

Etapa 9


Assim que retirar as massas do forno, guarde-as, uma a uma, em saco plástico, próprio para alimentos, para não perder umidade

Etapa 10


O pão pode ser guardado em geladeira 1 a 3 dias

Deixe a massa enrolada no saco plástico e retire somente antes de usar


Recheie a gosto, enrole e aqueça no forno. 




Sugestões de recheio: Queijo prato, presunto, alface, tomate e maionese. Frango desfiado, azeitonas, maionese. 








21 de Março, 2015

Conselhos para desintoxicar o corpo do excesso de açúcar

Luís Martins

A grande maioria das pessoas gosta muito de guloseimas, especialmente os biscoitos e os chocolates, e é muito comum que em reuniões familiares ou de amigos essas delícias sejam compartilhadas, no entanto, muitas vezes não pensamos que este tipo de “tentação” pode ser prejudicial para nossa saúde se não nos controlarmos. 


Quando comemos grandes quantidades de alimentos açucarados ou produtos de padaria, esses são facilmente absorvidos e, por isso, são levados com muita rapidez para a corrente sanguínea. Neste processo se origina a liberação de insulina. Quando consumimos alimentos com alto conteúdo de açúcar refinado, estamos trazendo para o nosso organismo praticamente zero de nutrientes, já que este tipo de alimento não nos proporciona as energias necessárias para o correto desempenho das funções do corpo, logo, as células precisam retirar a energia de alguns tecidos do corpo para poder continuar exercendo suas funções.

Ao contrário, quando nos cuidamos e estamos conscientes de que uma alimentação saudável é o melhor que podemos fazer para mantermos a boa saúde e, além disso, comemos boas quantidades de verduras e grãos integrais, os quais nos trazem nutrientes e carboidratos, tais carboidratos são liberados pouco a pouco no sangue e são utilizados como combustível para proporcionar a energia necessária para que todas as funções do organismo sejam realizadas corretamente. Por este e muitos outros motivos, temos que eliminar estas quantidades de açúcar que estão no nosso organismo e que não estão trazendo nenhum valor nutricional. Para conseguir os resultados, devemos realizar uma boa desintoxicação e, por isso, recomendamos que você tome nota dos seguintes conselhos.
Conselhos para desintoxicar o corpo


A primeira coisa que devemos fazer para começar os cuidados e evitar consumir produtos açucarados é: eliminar todas as tentações, ou seja, na sua casa não deve ter nenhum tipo de guloseimas, desta maneira você não sentirá vontade de comê-las. Força de vontade! Deixe para comê-las em alguma ocasião especial. Substitua o açúcar por alguns produtos saudáveis como, por exemplo, as nozes e outros frutos secos que além de serem muito saborosos podem ser de grande ajuda para não sentir apetite entre as refeições principais.




O consumo de vitaminas para desintoxicar permite que a eliminação de toxinas seja mais rápida e efetiva.

As frutas como a melancia, banana e morango podem ser muito úteis para substituir a vontade de comer doce. O extrato de baunilha, canela ou amêndoas são ideais para agregar um pouco de doçura às bebidas. Estes simples passos são ideais para conseguir ficar longe dos doces.
Lembre-se

Tenha em mente que todos os produtos que comemos diariamente contêm açúcar, em menor ou maior quantidade, por esta razão temos que saber escolher aqueles que têm em menor quantidade e evitar a todo custo o consumo daqueles com excesso de açúcar como, por exemplo, os cereais açucarados, biscoitos, caramelos e chocolates ao leite. É um pouco complicado ficar longe destas deliciosas guloseimas, mas isto ajudará muito a sua saúde, pois previne problemas futuros. Tenha um pouco de força de vontade e trate de ficar longe dos excessos de doce para sempre.


21 de Março, 2015

Como eliminar o sal acumulado no seu corpo

Luís Martins

O sal é um dos condimentos presentes na maioria das cozinhas em todo o mundo, pois é caracterizado por dar um sabor especial a cada refeição. No entanto, pesquisas que vêm sendo realizadas ao longo dos anos demonstraram que este produto tem sérios impactos negativos na saúde e, o mais preocupante de tudo, é que as pessoas o consomem em excesso.


É verdade que o nosso corpo precisa de um pouco de sal ou sódio para funcionar corretamente, mas isso não significa que podemos consumi-lo em excesso. Desta maneira, alguns especialistas concordam que é melhor reduzir o sal da dieta e optar por adquirir essas doses de sódio consumindo outros alimentos.

O consumo excessivo de sal pode desencadear, a longo prazo, sérios problemas de saúde, como doenças cardíacas, derrame e outros problemas. O exagero em seu consumo é comprovadamente uma das principais causas da retenção de líquidos e inchaços. Felizmente, podemos mudar o mau hábito de comer muito sal e livrar o organismo deste sal acumulado.
Conselhos para eliminar o sal acumulado em nosso organismo

Consumir mais água: especialistas recomendam beber de 6 a 8 copos de água, embora pareça ter um sentido totalmente oposto. O consumo de água estimula a eliminação do excesso de líquidos retidos no corpo e, por sua vez, auxilia na via de excreção do sódio, eliminando-o através da urina. Este hábito saudável nos ajuda a limpar nosso organismo, nos mantendo bem hidratados e reduzindo o inchaço no corpo. 
Eliminar o sal da dieta: embora para muitos o sal seja um ingrediente que não pode faltar na comida, o ideal é começar a buscar outras alternativas para realçar o sabor dos alimentos. Podem-se consumir doses mínimas de sal, de preferência, adicionado às refeições caseiras. Tenha em mente que alimentos como carnes embutidas, alimentos e sopas enlatados, comida congelada, fast-food, entre outros, contêm uma grande quantidade de sódio. Em vez de consumir estes tipos de alimentos, opte por frutas e verduras, isso irá enriquecer a sua dieta e ajudará a eliminar o excesso de sódio, uma vez ingerido. 
Substitua o sal: eliminar o sal da dieta pode ser possível se nos acostumarmos a substituir este ingrediente por opções mais saudáveis, como por exemplo, o alho, pimenta do reino fresca, curry, salsa, orégano e alecrim. 
Realize atividades físicas: é recomendado fazer exercícios aeróbicos ou qualquer outro tipo de atividades diárias que nos façam suar. Quando caminhamos, dançamos, corremos, andamos de bicicleta ou até mesmo quando vamos para uma sauna, estamos liberando do nosso corpo impurezas e o excesso de sal graças à transpiração. Apenas lembre-se de levar consigo uma garrafa de água a cada sessão de exercícios. 
Salsa para eliminar o sal acumulado em nosso corpo


A salsa é um ingrediente conhecido por seus benefícios para limpar os rins e estimular a eliminação de toxinas através da urina. Sabe-se que os rins desempenham um papel extremamente importante na desintoxicação do nosso corpo, pois são os órgãos encarregados de filtrar o sangue para eliminar o excesso de sal e qualquer outra substância tóxica que entre em nosso sistema.
Como a salsa pode nos ajudar?

Para aproveitar os seus benefícios para a limpeza dos rins simplesmente devemos preparar uma infusão fervendo um punhado de salsa limpa e cortada em pedaços em um litro de água durante 10 minutos. Deixe a infusão repousar e consuma preferencialmente em jejum. O que sobrar coloque em um recipiente e guarde na geladeira para consumir várias vezes ao dia, durante todos os dias.
Lembre-se! 
Para potencializar os efeitos desta bebida para eliminar os excessos de sal, é muito importante seguir as recomendações anteriores e lembrar-se de bebê-la com frequência. 
Além de ajudar a limpar o organismo, esta bebida é ideal para combater a retenção de líquidos, prevenir alterações na pressão arterial e perder peso. Obviamente, esses benefícios só serão possíveis desde que também se mantenha um estilo de vida saudável. 




21 de Março, 2015

5 problemas que as bananas resolvem melhor que os comprimidos

Luís Martins

As bananas são frutas tropicais que combinam energia, minerais e vitaminas, e são adequadas para todo tipo de dieta, incluindo as que têm como objetivo o emagrecimento. Esse alimento é um dos mais consumidos em todo o mundo, e também um dos mais saudáveis.


Muitas pessoas costumam evitar o consumo de banana, especialmente quando querem perder peso. Isso se deve à má fama que deram a esta fruta, considerada a segunda mais calórica depois do abacate. No entanto, uma banana contém somente 90 calorias para cada 100 gramas, portanto incluí-la em porções adequadas não irá alterar nenhuma dieta e nos beneficiará de várias formas diferentes.
Quais são as principais propriedades das bananas?


As bananas são fonte significativa de açúcares e diferentes minerais como o potássio, magnésio, ferro e betacaroteno. Também se destacam pela sua alta concentração de vitaminas, incluídas as do grupo B, ácido fólico, vitamina C, um pouco de vitamina E e fibras.


Além de tudo isso, as bananas também são ricas em hidratos de carbono, e por isso são uma das melhores fontes vegetais de energia para o nosso corpo. Graças a todas essas propriedades, elas são muito recomendadas no processo de nutrição de crianças.


Por serem ricas em potássio, as bananas também ajudam a eliminar o excesso de líquido no organismo, o que nos ajuda a manter o corpo equilibrado e tratar problemas como a hipertensão e a gota.
Pressão arterial alta



Quando uma pessoa consome sódio em excesso e precisa de potássio, é muito provável que comece a sofrer de hipertensão arterial. Por esse motivo, é muito importante oferecer potássio ao nosso sangue, e as bananas são uma fonte riquíssima desse mineral. O recomendado é comer uma banana todos os dias pela manhã. Com esse bom hábito, sua pressão arterial poderá se manter em um nível normal.
Depressão


Muitas pessoas que sofrem de depressão garantem se sentir melhor depois de comer uma banana. Estudos indicaram que isso se deve ao fato de a banana conter triptofano, um aminoácido essencial que deve estar presente em nossa dieta, pois o organismo não é capaz de sintetizá-lo por si próprio em quantidades adequadas. Ao entrar em nosso organismo, ele se converte em serotonina, conhecida como o hormônio da felicidade.






Basta comer uma banana para aproveitar esse benefício. Em questão de minutos nos sentiremos mais relaxados e com um estado de ânimo melhor.
Estresse



O estresse é capaz de alterar nosso metabolismo e isso pode fazer com que os níveis de potássio tendam a diminuir. Para manter o equilíbrio, é ideal consumir bananas, que como já sabemos, são uma das melhores fontes de potássio que podemos encontrar. Os benefícios da banana irão mais além de nos proporcionar potássio, assim como no exemplo anterior, já que ela ajudará a nos sentirmos melhor e mais tranquilos.
Prisão de ventre


As bananas são um dos alimentos mais recomendados para ter uma melhor digestão. Por conter pectina, uma fibra dietética que acelera a digestão e nos ajuda a eliminar toxinas, a banana é ideal para combater a prisão de ventre e o trânsito intestinal lento. Além disso, por suas propriedades probióticas, a banana é ótima para o sistema digestivo, pois reduz os gases e alivia o inchaço e a distensão abdominal.
Síndrome pré-menstrual



Por serem ricas em vitamina B6, as bananas atuam proporcionando um efeito positivo no nível de açúcar do sangue. As vitaminas do grupo B também ajudam a diminuir alguns dos sintomas da síndrome pré-menstrual, que afeta milhões de mulheres.


O consumo diário de banana pode ajudar a reduzir as cólicas e dores no abdômen, assim como a retenção de líquidos que costuma ser mais frequente e intensa neste período. Além disso, seus benefícios também contribuem para melhorar o estado de ânimo e acalmar os nervos, que geralmente ficam mais tensos durante aqueles dias.


21 de Março, 2015

Cobreiro: como se manifesta?

Luís Martins

O cobreiro é conhecido como uma erupção muito dolorosa derivada do vírus varicela – zoster, o mesmo que ocasiona a catapora. Esta doença se apresenta quando um vírus que ataca as células nervosas se reativa depois de um tempo, causando a erupção.

O que acontece é algo como isto: uma vez que você já tenha tido catapora, o vírus zóster se mantém nos tecidos nervosos do corpo, na realidade, ele nunca desaparece, simplesmente está inativo, mas o problema é que pode se reativar depois e é justamente nessa reativação que o cobreiro se manifesta.


Acredita-se que a razão pela qual o vírus varicela-zoster se reativa está no sistema imunológico que com o passar do tempo se debilita depois de ter tido catapora durante a infância.
O que acontece quando o vírus é reativado?

No momento de reativação do vírus, ele começa a se propagar através dos nervos e é precisamente esta a razão pela qual geralmente causa uma sensação incômoda de cócegas e ardor nas zonas afetadas. Nesse instante, o vírus se encontra circulando por todo o sistema nervoso, mas em dois ou três dias chega à pele. No momento em que o vírus se encontra com a epiderme, se dá o aparecimento de bolhas agrupadas por toda a superfície do nervo afetado (ao longo). A pele pode responder com muita sensibilidade, o que traz muita dor.
É possível ter cobreiro?

Se você teve catapora está correndo o risco de que o cobreiro apareça pela reativação do vírus. No entanto, o vírus tende a ser reativado com mais frequência em pessoas que apresentam o sistema imunológico debilitado ou em maiores de 50 anos. O risco é maior à medida que vamos envelhecendo. Se falarmos de uma pessoa que está recebendo um tratamento para o câncer ou que possui HIV, é muito possível que o cobreiro se apresente. Nestas pessoas, é provável que o cobreiro apareça como um dos primeiros sintomas que avisam que algo não está bem no sistema imunológico.
Sintomas



1. O primeiro sintoma é, comumente, uma dor forte em um lado só do corpo, acompanhada de um formigamento ou um ardor. O ardor ou a dor podem chegar a ser muito intensos e aparecem, na maioria dos casos, antes que apareça qualquer erupção, como que anunciando a aparição dela.

2. Outro sintoma que pode aparecer é a formação de pele escamosa, para depois seguir a aparição de pequenas bolhas.

Outros sintomas possíveis: 
Febre e calafrios. 
Úlceras genitais. 
Dor articular. 
Sensação de mal-estar geral. 
Dor abdominal. 
Dor de cabeça. 
Inflamação dos gânglios linfáticos. 

Se o vírus afeta um nervo facial: 
Problemas de visão. 
Perda de movimento de olho. 
Problemas ou redução das sensações no sentido do gosto. 
Queda da pálpebra. 
Dificuldade para mover alguns músculos na face. 

Também:

Pode causar fadiga, febre não muito elevada e dores musculares leves.
Tem cura?

Certamente se pode curar o cobreiro. Para isso, é necessário visitar o médico para que ele diagnostique ou para que prescreva um possível tratamento ou formule medicamentos que possam combater o vírus. Geralmente, são utilizados medicamentos com propriedades antivirais, que possibilitam a redução da dor e previnem as complicações, e contribuem para interromper o desenvolvimento da doença.

Os medicamentos podem ser utilizados depois de 24 horas após o começo das dores ou ardores. Para a cura é melhor começar a tomar os medicamentos antes que apareçam as bolhas.

Por outro lado, para uma pronta melhoria recomenda-se repouso na cama até que a febre diminua. Lave os acessórios não descartáveis em água fervendo, também mantenha a pele limpa, e ante tudo, não reutilize objetos contaminados. 
Nota

O vírus pode permanecer por duas ou três semanas e estranhamente reaparece. É importante se cuidar e ser diagnosticado, pois, em casos extremos ou quando o vírus afeta os nervos motores, pode não somente causar debilidade, como também causar paralisia temporal ou permanente.

Além disso, a dor pode ser muito leve, mas pode também chegar a ser intensa e insuportável. Lembre-se de se cuidar e repousar.


21 de Março, 2015

Você sabe do que são feitos os nuggets de frango?

Luís Martins

Certamente você conhece essa comida que pode ser adquirida em redes de fast food ou em versões congeladas para fritar em casa. Nos anúncios publicitários os mostram bem dourados e crocantes, parecendo uma verdadeira tentação, mas você sabe do que são feitos os nuggets de frango? Neste artigo você irá descobrir, e então decidir se quer continuar comendo-os ou não.


Sua imagem deliciosa faz com que fiquemos com água na boca para comer mais de um. Acreditamos que se trata de um alimento mais saudável para nossos filhos, e se o médico recomendou evitar carnes vermelhas por causa do colesterol, pensamos que os nuggets são uma boa opção que não elevará nosso nível de triglicérides. Pensemos por um instante antes de escolher este item nas redes de fast food ou prepará-lo como uma alternativa rápida quando não sabemos o que fazer para o jantar ou o que levar de lanche para o trabalho ou escola.
Como são feitos os nuggets de frango?


O recheio com o qual são feitos os tão deliciosos nuggets de frango que costumamos comer como uma alternativa aos hambúrgueres parece uma espécie de iogurte de morango congelado, ou uma goma de mascar gigante. Na realidade, é uma pasta cor de rosa, consequência da trituração dos frangos inteiros separados mecanicamente. É isso que revela em seu blog, Early Onset of the Night, o americano Michael Kindt.




Mas o assunto não termina aqui. A massa que resulta desta técnica está cheia de bactérias. Então, o que fazem para eliminá-las? Lavam-na com amônia. Solução simples e repugnante ao mesmo tempo. Mas claro, se o processo acabasse aí perceberíamos quando abríssemos um destes lanches. Por isso, o mecanismo usado para ocultar o sabor e o odor deste desinfetante químico, é o uso de cobre com aromatizantes e corantes artificiais (se pararmos para pensar, também há uma grande quantidade desses aditivos em outros alimentos que estamos acostumados a consumir diariamente).


O reconhecido chefe Jamie Oliver foi o encarregado de conhecer o processo de elaboração dos tão famosos nuggets de frango, no seu programa de televisão chamado Food Revolution, transmitido pelo canal ABC. Ele fez sua própria demonstração do processo de elaboração, com o objetivo de que os pais parem de dar este alimento a seus filhos. No entanto, ele não obteve o êxito esperado.


Mais tarde, o canal NatGeo retransmitiu em um programa a maneira através da qual os alimentos eram processados usando a técnica da “separação mecânica“, onde se explica um pouco mais sobre a produção dos nuggets de frango.


Investigação do Huffington Post sobre a “comida falsa”


O título do artigo publicado por este jornal reconhecido a nível internacional é “Comida falsa. É isso que chamam de frango?”. Nele, difundiu-se a informação de que os nuggets não têm somente carne de ave (que é o único que deveria conter), mas também vísceras, ossos triturados, gorduras, veias, nervos, cartilagens e cerca de 30 aditivos. Menos de 50% da sua composição é de frango, a outra parte é formada por restos e misturas. “Quando pedimos fast food, temos consciência de que não se trata de um prato muito saudável, mas esperamos que ao menos se trate de comida. Frango é frango e a carne é carne não?” É assim que começa o artigo do Huffington Post.


Esse meio de comunicação realizou uma série de estudos sobre a “comida falsa”. No caso dos conhecidos nuggets de frango, somente a metade é verdadeiramente carne desse animal (ainda que processada de forma não muito saudável), e o restante conta com três dezenas de ingredientes adicionados, entre eles o sulfato de alumínio.




O American Journal of Medicine comparou os nuggets oferecidos em duas cadeias de fast food (sem dizer quais eram, ainda que possamos deduzir). Eles tinham somente 50% de carne de frango, e o resto era uma mistura de cartilagens, nervos, ossos triturados, veias e gordura. 


Segundo o Dr. Richard D. deShazo, do Centro Médico da Universidade de Mississipi, “As empresas escolheram usar uma mistura artificial que combina partes do frango em vez da carne com pouca gordura. Untam esta mistura com manteiga, fritam-na e continuam falando que se trata de frango. É um produto à base de frango, mas também contém muitas calorias, sal, açúcar e gorduras. Por isso, não é nem um pouco saudável”. 


O Dr. David Katz, da Universidade de Yale, disse que esta mistura pode causar muitos danos, ainda que não existam muitos resultados de estudos realizados. No entanto, foi confirmado que somente o fato de sabermos que se processam vasos sanguíneos, ossos triturados e nervos não faz com que as pessoas parem de consumi-lo, temos também que conhecer quais são os aditivos usados para dar ao alimento consistência e sabor de frango. Dessa forma, o problema principal dos nuggets de frango não são as partes do animal, mas sim os conservantes e aditivos químicos que são adicionados a ele. 




Voltando ao estudo feito pelo Huffington Post, foi encontrado em um pedaço de frango frito, um antiespumante chamado dimetilpolissiloxano, presente nos anticongelantes dos carros. Ainda não foi declarado que esses aditivos sejam prejudiciais, mas também não afirmam que são benéficos. Outro fabricante deste prato de fast food adicionou glutamato monossódico, associado a dores de cabeça e suor excessivo. Em todos os casos, o produto tem uma boa quantidade de dextrose, um açúcar adicionado. Além disso, dez unidades contêm 900mg de sódio antes de serem fritas, muito acima da dose diária recomendada.


21 de Março, 2015

7 dicas para eliminar o mau cheiro dos sapatos

Luís Martins

Como nos livrarmos do mau cheiro nos sapatos? Às vezes o interior de alguns calçados retém o suor com maior intensidade, gerando um odor difícil de suavizar. Mas, não se preocupe, porque existem alguns truques bem simples que serão de grande ajuda. Descubra-os!


1. O bicarbonato de sódio


Infalível. Em nosso espaço já falamos mais de uma vez dos grandes benefícios do bicarbonato de sódio para a limpeza da casa. Esse elemento químico natural tem a capacidade de absorver manchas, odores e umidades, e por isso é frequentemente utilizado para eliminar o mau cheiro nos sapatos.

E como usá-lo? Muito fácil, basta jogar uma colher de sopa de bicarbonato em cada pé do sapato, nas palmilhas. Espalhe-o bem e deixe que atue no sapato por toda a noite. Pela manhã será possível notar a melhora.
2. O truque do talco


O talco atua do mesmo modo que o bicarbonato de sódio. Tem a capacidade de absorver a umidade e com isso, minimiza o mau cheiro. Nesse caso você tem duas opções: pode pôr um pouco de talco em cada sapato e deixar atuar durante a noite para removê-lo de manhã ou, o que também é eficaz e fácil de fazer, aplicar o talco no pé para eliminar a sudoração. Será muito útil e efetivo.
3. Truque para eliminar bactérias


Esse truque é curioso e muito efetivo. Para isso será preciso ter em casa um pouco de sálvia e lavanda. São duas plantas que eliminam muito bem os odores. Se as tiver, basta colocar em cada sapato algumas folhinhas de sálvia e uns raminhos de lavanda. Depois, deixe os sapatos tomarem ar fresco para eliminar as bactérias. Pela manhã você terá seus sapatos mais do que prontos!



4. Laranja, limão ou toranja


Outro remédio muito simples. Nunca jogue fora a casca do limão ou da laranja, e muito menos da toranja. São muito práticas para eliminar o mau cheiro dos sapatos, nesse caso e como sempre, bastará colocar as cascas dentro dos sapatos durante a noite. Sem dúvidas um truque seguro.
5. Óleo essencial de árvore do chá


Dentre os óleos essenciais com propriedades desinfetantes o da árvore de chá é, sem dúvidas, o mais eficaz. Pode ser encontrado em lojas de produtos naturais ou perfumarias. Não é caro e pode servir tanto para eliminar o mau cheiro dos sapatos quanto para preparar géis para as mãos. O que faremos é deixar algumas gotas pingarem nas palmilhas dos sapatos duas vezes por semana, assim tiraremos o odor e eliminaremos as bactérias. Muito fácil.
6. Procure a verdadeira causa do mau cheiro


Sabemos que o mau cheiro nos sapatos deve-se ao suor dos pés, porém, também é evidente que alguns sapatos fedem mais do que outros. Talvez isso se deva ao fato de que há palmilhas que absorvem mais o suor e outras que o retém, favorecendo o surgimento de bactérias. É um risco que não vale a pena correr.

Ao notar que o mau cheiro não sai facilmente, pode mudar regularmente as palmilhas do sapato, mas se isso não for possível, pode optar por usar palmilhas especiais que protegem do mau cheiro e das bactérias. Considere que o mau cheiro a longo prazo pode trazer problemas nos pés, por isso é necessário manter uma boa higiene.
7. Como manter uma boa higiene nos sapatos

Tente não usar sapatos fechados todos os dias. É ruim para a saúde dos pés e favorece o mau cheiro. 
Quando chegar em casa, mude de sapato e deixe os que usou durante o dia para tomar ar. 
Não importa se o sapato é de boa ou média qualidade, todos absorvem o mau cheiro. Por isso devemos manter uma boa limpeza dos mesmos. Escová-los todos os dias, principalmente limpá-los por dentro utilizando um pano úmido com o mesmo produto que você costuma limpar as roupas. Esfregue bem, eliminando manchas de umidade. 
Se você costuma sofrer de sudoração excessiva na sola do pé, seria adequado seguir a dica que ensinamos anteriormente: aplique talco. É um remédio simples que servirá muito para o dia a dia. 


21 de Março, 2015

Técnicas naturais para eliminar os pelos do buço

Luís Martins

Você sabia que existem formas muito naturais de eliminar o pelo do corpo? Com elas é possível economizar nos gastos com a depilação convencional, assim como a irritação e os outros efeitos secundários, além de fazer com que o pelo se torne cada vez mais fraco, ao invés de crescer com mais força.


Descubra como se depilar de forma mais natural, usando açúcar, limão ou simplesmente, um fio de seda ou algodão, assim como debilitar progressivamente o pelo com a ajuda da cúrcuma.
Açúcar e limão

Esse método de depilação tem sido usado desde a antiguidade, no antigo Egito e em outros países orientais, e só é preciso açúcar e limão. O método é parecido com o da cera, mas é menos doloroso, mais econômico e mais natural.

Atualmente, em alguns países já vendem a pasta de açúcar pronta, ainda que seja muito fácil e conveniente aprender a prepará-la em casa.

Precisaremos de: 
2 xícaras de açúcar 
O suco de 1 limão amarelo 
Um pouco de água se o suco do limão não for suficiente: 

Preparo 
Colocaremos o suco de um limão e as duas xícaras de açúcar em uma panela média. O suco deve cobrir completamente o açúcar, se isso não acontecer, adicionaremos um pouco de água até ficar coberto. 
Esquentaremos essa mistura em fogo médio/alto, mexendo com uma colher de madeira até que o açúcar tenha se dissolvido completamente. Se tivermos um termômetro de cozinha poderemos comprovar que a mistura alcance 115 graus centígrados. 
Quando começar a ferver diminuiremos bastante o fogo e esperaremos até que se forme uma pasta espessa e pegajosa, porém maleável, de cor dourada suave, como se fosse mel. Se tiver uma cor escura, possivelmente tenha queimado e deveremos fazer de novo. Nunca devemos deixar ferver em fogo alto durante mais de um minuto. 
Retiraremos do fogo e deixaremos esfriar. 

Essa cera de açúcar deve ser aplicada da mesma forma que a cera convencional. Vamos espalhar bem a cera para que fique uma capa fina e sem esperar a puxaremos na direção contrária dos pelos, ou seja, no sentido contrário ao nascimento do pelo.

Para que a cera de açúcar não grude muito à pele podemos polvilhar um pouco de talco na região que será depilada, lembrando de limpar e secar bem a área antes.




Ao finalizar, aplicaremos um pouco de creme hidratante ou gel de babosa para amenizar os efeitos na pele. Se ficarem restos da cera lavaremos com água morna.

Fio de seda ou algodão

Um método surpreendente e natural para eliminar o pelo e possivelmente o mais econômico, consiste em usar simplesmente um fio. Essa técnica, conhecida como Threading, era usada antigamente na Índia ou no Egito, e de fato ainda é utilizada pelas mulheres atualmente.

No começo, esse método requer um pouco de destreza e a primeira vez deveríamos procurar um profissional para nos explicar o procedimento. Quando aprendermos, faremos com muita rapidez e sem dor.

Para aplicar esse método usaremos um fio de seda ou de algodão, que será usado como um laço que prende os folículos desde a raiz de uma forma não agressiva para a pele.

Para realizá-lo corta-se um pedaço longo do fio e damos forma de um círculo amarrado pelos seus extremos, depois seguimos as indicações que aparecem nesse vídeo.

Esse tipo de depilação tem a grande vantagem de que pode passar até seis semanas antes do pelo crescer de novo, e de forma progressiva vai enfraquecendo, efeito contrário ao das depilações convencionais. Além disso, também pode ser utilizada no rosto.

Máscaras de cúrcuma

A máscara facial ou corporal de cúrcuma é ideal para depois da depilação, já que essa especiaria tem grandes propriedades para a pele e nos ajuda a enfraquecer o pelo progressivamente, por isso será um complemento perfeito para nosso tratamento.

Simplesmente misturaremos a cúrcuma em pó com água até obtermos uma pasta untuosa, porém que não pingue. Aplicaremos a máscara na pele e deixaremos atuar por vinte minutos.


Imagens oferecidas por digipam, Frabisa e chollingsworth3